Durante a semana, o consumo de rádio atingiu o valor mais baixo do último ano móvel
Vote
Rádio
Consumo de rádio fecha o ano em quebra
18 de dezembro de 2015
 


Segundo o estudo Bareme Rádio do Grupo Marktest, o consumo acumulado de véspera de rádio alcançou 55,9% na quinta vaga – período compreendido entre setembro e dezembro. Este resultado representa uma diferença negativa de 0,4 pontos percentuais (p.p.) face à vaga anterior. Em relação à vaga homóloga, verifica-se uma diferença de menos 1,1 p.p. Desde o início do ano, este indicador tem vindo a diminuir em todas as vagas. Durante a semana, a rádio alcança uma cobertura de 78,8%, menos 0,5 p.p. face à vaga anterior e o valor mais baixo do último ano.

Por estação, a Rádio Comercial mantém a liderança com uma Audiência Acumulada de Véspera (AAV) de 16%, menos 1,5 p.p. do que na vaga anterior. Face à vaga homóloga, a estação da Media Capital apresenta uma ligeira diferença de 0,3 p.p.

Na cobertura semanal, a liderança continua na posse da RFM, que subiu 0,5 p.p., para 33,9%, o que lhe confere uma vantagem de 0,7 p.p. em relação à estação líder de audiências. A RFM, principal estação do grupo r/com, fechou o ano com uma AAV de 15,8%, o melhor resultado do último ano. Desta forma, a estação reduz a diferença face à Comercial para apenas 0,2 p.p.

Nas estações de informação, a nota de destaque vai para a Antena 1 que aumentou a audiência de véspera em 0,8 p.p., o que lhe permite chegar aos 5,3%. Com este resultado, a estação pública reforça a posição de quarta estação de maior audiência, logo atrás da Rádio Renascença. A TSF, com mais 0,5 p.p., chega aos 3,9% e mantém-se na sexta posição. A estação da Global Media Group quebra, assim, a série de descidas que foi obtendo durante o ano e aproxima-se da M80, que manteve o seu valor médio de audiência (4,2%).

Nas estações direcionadas para um público mais jovem, a Cidade (2,8%) continua a liderar, agora com a Mega Hits a apenas 0,1 p.p. de distância.

Por grupos, a r/com reforça a liderança ao alcançar uma audiência de 24,4%, mais 0,3 p.p. do que na vaga anterior e mais 1,1 p.p. do que há um ano atrás. O grupo que detém a RFM, a Renascença, a Mega Hits e a Rádio Sim, aumenta a vantagem para a Media Capital Rádio agora situada em 2,5 p.p.


Fonte: Bareme Rádio, Grupo Marktest
Universo: Indivíduos com 15 e mais anos, residentes em Portugal Continental - 8.563.501

Nota: Grupo r/com inclui R. Renascença, RFM, Mega Hits e R. Sim. Grupo MCR inclui R. Comercial, Cidade FM, M80, Vodafone FM e Smooth FM. Grupo RTP inclui Antena 1, Antena 2, Antena 3 e RDP África.

 


Comentários
Comente este artigo
Regras de Comentários
Agradecemos todos os comentários já que reforçam a qualidade do portal.
Pedimos que respeitem o código editorial, não utilizando linguagem que viole a lei ou a integridade dos demais.
O seu IP ficará na nossa base de dados sem que seja divulgado.
Home
MadeBy
Legislação
GateScope
mgate
Simulador
MissGate
WeeklyTv
Perfis
Notícias
Artigos
Eventos
Opinião
Publicações
TvGate
RadioGate
PressGate
OutGate
CineGate
APAP
DigitalGate
ICAP
APCT
APODEMO
Marktest
Obercom
API
APMP
GMCS
Criativos
APAN
APPM
ACEPI
MEDIAFONE