Cinema
Um tipo de cinema que permite tragar as imagens da grande tela, literalmente
7 de setembro de 2015
 

Já se imaginou a ver um filme, ao mesmo tempo que sente o cheiro dos seus ambientes e saboreia as mesmas coisas que as personagens? O “edible cinema” – “cinema comestível”, em português – torna tudo isto possível.

A iniciativa surgiu há três anos em Londres, no Reino Unido, com o objetivo de permitir aos espectadores assistirem a um filme, ao mesmo tempo que o cheiram e saboreiam, intensificando, assim, a forma como vivenciam a experiência.

Quando um espectador assiste a um filme pela mão da Edible Cinema, empresa que criou o tipo de cinema com o mesmo nome, tem consigo diversas caixas numeradas, que encerram no interior iguarias em formato miniatura, iguais àquelas que as personagens ingerem ao longo da película. Os números indicam o momento exato do filme em que devem ser consumidas, de forma a proporcionar uma experiência o mais completa e envolvente possível.

Durante a projeção do filme “O Labirinto do Fauno”, por exemplo, a audiência foi convidada a comer pipocas com aroma e sabor a pinheiro, numa altura em que as personagens corriam pelo bosque. A textura crocante deste snack tinha como propósito levar o público a sentir as ramagens a estalar por baixo dos pés.

A próxima experiência cinematográfica multissensorial proporcionada pela Edible Cinema tem lugar a 30 de setembro, no Science Museum de Londres, com a exibição de “Charlie e a Fábrica de Chocolate”, de Tim Burton.

Comentários
Comente este artigo
Regras de Comentários
Agradecemos todos os comentários já que reforçam a qualidade do portal.
Pedimos que respeitem o código editorial, não utilizando linguagem que viole a lei ou a integridade dos demais.
O seu IP ficará na nossa base de dados sem que seja divulgado.
Home
MadeBy
Legislação
GateScope
mgate
Simulador
MissGate
WeeklyTv
Perfis
Notícias
Artigos
Eventos
Opinião
Publicações
TvGate
RadioGate
PressGate
OutGate
CineGate
APAP
DigitalGate
ICAP
APCT
APODEMO
Marktest
Obercom
API
APMP
GMCS
Criativos
APAN
APPM
ACEPI
MEDIAFONE