O desafio? Chegar a uma decisão unânime quanto ao destino a visitar para, desta forma, todos ganharem uma viagem gratuita para essa mesma geografia
Vote
Notícias
Anúncio do Dia
23 de fevereiro de 2016


A JetBlue Airways, companhia aérea norte-americana, acaba de lançar uma campanha que pretende mostrar o que é possível conquistar, quando todos trabalhamos em conjunto para um mesmo fim e colocamos de lado as nossas diferenças.

Para o efeito, convidou 150 passageiros, muito diferentes e desconhecidos uns dos outros, para participar num jogo desafiante – ganhar uma viagem para um dos 20 destinos domésticos e internacionais servidos pela JetBlue, no caso de ser alcançado um consenso… unânime, quanto ao país a visitar. Além disso, a unanimidade terá de surgir forçosamente antes de o voo de seis horas de Boston para Phoenix, em que se encontram os passageiros, estar concluído.

Intitulada “Reach Across the Aisle”, a campanha tem por base o cenário político atualmente vivido nos Estados Unidos – de eleição do novo Presidente do país – e que é de “luta para chegar a um consenso”, refere o comissário de bordo da JetBlue que protagoniza o anúncio. Assim se explicam, também, as cores utilizadas de um lado e do outro do corredor da aeronave – vermelho (cor associada aos republicanos) e azul (cor que representa os democratas).

“A JetBlue gosta de estar envolvida nas grandes conversações. Sendo este um dos momentos políticos na história do país que mais divisão e separação tem causado, vimos nele uma oportunidade de mostrar o que é realmente possível, quando todos trabalhamos em conjunto”, explica Time Viccarino, executive creative director da MullenLowe, agência responsável pela campanha.

Será, então, que os 150 passageiros chegaram a uma decisão unânime? Ou será que se mantiveram intolerantes e se recusaram a alterar as suas posições iniciais por um bem maior, o bem de todos?

“A beleza destas coisas é que, tratando-se de experiências sociais e culturais, nunca se sabe qual será o desfecho até tudo estar terminado. Tudo se desenrola em tempo real. São, por isso, momentos genuínos, uma vez que representam um indicador real da forma como as pessoas se sentem. É isso que os torna imensamente desafiantes”, conclui Vaccarino.

Home
MadeBy
Legislação
GateScope
mgate
Simulador
MissGate
WeeklyTv
Perfis
Notícias
Artigos
Eventos
Opinião
Publicações
TvGate
RadioGate
PressGate
OutGate
CineGate
APAP
DigitalGate
ICAP
APCT
APODEMO
Marktest
Obercom
API
APMP
GMCS
Criativos
APAN
APPM
ACEPI
MEDIAFONE