Para contornar a crise, o grupo Casais apostou num projeto de mudança organizacional focado nas pessoas
Vote
Notícias
OCI reuniu profissionais para debater comunicação interna com recursos escassos
10 de outubro de 2013


No 17.º Get Together promovido pelo Observatório de Comunicação Interna e Identidade Corporativa (OCI), o tema foi “Comunicação interna com orçamentos mínimos”. O encontro, em que participaram cerca de 75 pessoas, contou com testemunhos da Corticeira Amorim, grupo Salvador Caetano e grupo Casais, com a moderação de Luís Roberto, diretor de comunicação e relações institucionais da BP.

“Há que criar embaixadores a nível interno, primeiro, e depois a nível externo. É fundamental procurar quem partilhe com o líder a sua visão de futuro. Para além das ações aqui partilhadas, há que avaliar um fator que não se replica – a liderança. As ações internas baseiam o seu sucesso acima de tudo nas pessoas e líderes que as implementam”, declarou José Manuel Seruya, da Universidade Católica.

Ana Margarida Ximenes, country manager da Inforpress, acredita que “fazer o mesmo ou mais com menos recursos é o desafio”. O Get Together permitiu perceber, de acordo com a responsável, “que a capacidade de fazer ações internamente a custo zero está interligada à sinergia entre os vários departamentos da empresa, sendo muito importante a comunicação entre colegas”.

Para contornar a crise, o grupo Casais apostou num projeto de mudança organizacional focado nas pessoas, reforçando as medidas de comunicação, principalmente internamente. A empresa focou-se em objetivos como “informar”, "envolver e obter feedback”, “integrar e mudar”, “orientar e motivar” para desenvolver as estratégias de comunicação com pouco orçamento. “Os períodos de crise são desafios à nossa capacidade para potenciar a comunicação”, contaram Andreia Cruz, coordenadora de desenvolvimento de recursos humanos, e Raquel Silva, diretora de marketing, imagem e comunicação.

A Corticeira Amorim começou o processo de reposicionamento em 2010, com a tentativa de destacar-se como uma empresa verde e associar-se à tecnologia. Deste reposicionamento nasceu o projeto TekGreen.

Paula Arriscado, diretora de comunicação e marketing do Grupo Salvador Caetano, falou nos muitos meios que existem para comunicar, “mas pouca relação humana – e nada substitui o cara-a-cara”. Para a responsável, é imperativo reinventar o marketing comunicacional, interno e externo.
Home
MadeBy
Legislação
GateScope
mgate
Simulador
MissGate
WeeklyTv
Perfis
Notícias
Artigos
Eventos
Opinião
Publicações
TvGate
RadioGate
PressGate
OutGate
CineGate
APAP
DigitalGate
ICAP
APCT
APODEMO
Marktest
Obercom
API
APMP
GMCS
Criativos
APAN
APPM
ACEPI
MEDIAFONE