Poiares Maduro não adiantou datas concretas para as mudanças, mas remeteu as novidades para o início do próximo ano
Vote
Notícias
Governo quer mais canais na TDT, mas “sem perturbar o mercado”
21 de novembro de 2013


Miguel Poiares Maduro, ministro-adjunto e do Desenvolvimento Regional, com a tutela da comunicação social, reforçou os planos do Governo para alargar o número de canais em sinal aberto na Televisão Digital Terrestre (TDT) sem causar demasiado impacto no mercado, avança o Jornal de Notícias.

Em declarações aos jornalistas, após ter dado uma aula aberta na Universidade Católica do Porto, o ministro afirmou estar em conversações com “os diferentes operadores televisivos no sentido de ser possível aumentar essa oferta sem perturbar em excesso o mercado e a sustentabilidade económica dos operadores existentes”.

Poiares Maduro não adiantou, contudo, datas concretas para as mudanças, mas remeteu as novidades para o início do próximo ano. O ministro sublinhou que “a existência de uma maior oferta em TDT também tem vantagens para os portugueses que veem o cabo” e lembrou que “30% da população não tem outro serviço que não o prestado em sinal aberto”: “Tenho dito que me parece inaceitável que tenhamos uma oferta em sinal aberto de quatro canais apenas".

Home
MadeBy
Legislação
GateScope
mgate
Simulador
MissGate
WeeklyTv
Perfis
Notícias
Artigos
Eventos
Opinião
Publicações
TvGate
RadioGate
PressGate
OutGate
CineGate
APAP
DigitalGate
ICAP
APCT
APODEMO
Marktest
Obercom
API
APMP
GMCS
Criativos
APAN
APPM
ACEPI
MEDIAFONE