Os serviços de comunicações eletrónicas são alvo do maior número de reclamações, com 81% do total de queixas recebidas pela ANACOM
Vote
Notícias
Reclamações recebidas pela ANACOM aumentam em 2013
15 de abril de 2014


A Autoridade Nacional de Comunicações (ANACOM) recebeu, em 2013, 63,8 mil reclamações, 12% acima do registado no ano passado. Destas, 74% foram apresentadas através do livro de reclamações. No mesmo período, a autoridade recebeu ainda 2,4 mil pedidos de informação, 52 sugestões, 81 petições e 107 comunicações de outra natureza.

Os serviços de comunicações eletrónicas são alvo do maior número de reclamações, com 81% do total de queixas recebidas pela ANACOM. Destaque para os serviços múltiplos ou em pacote, o serviço de televisão por subscrição e o serviço fixo de acesso à internet, que registaram o maior número de reclamações por mil clientes. As queixas devem-se sobretudo a problemas com condições contratuais, equipamentos, avarias, atendimento ao cliente, faturação e portabilidade.

O número de reclamações sobre a Televisão Digital Terrestre (TDT) representa apenas 2% do total de reclamações recebidas, uma diminuição de 83% face ao ano anterior. Os serviços postais correspondem a 11,6% do total de reclamações recebidas pela ANACOM, sendo o serviço de correspondência o que mais reclamações motivou. As falhas na distribuição foram a principal causa de queixa, devido a questões associadas ao atraso na entrega de correspondência, extravio e atendimento ao cliente.

No âmbito dos serviços de atendimento da ANACOM, foram recebidas 15,4 mil solicitações, telefónicas e presenciais, das quais 12,6 mil corresponderam a reclamações e as restantes 2,8 mil a pedidos de informação.

Home
MadeBy
Legislação
GateScope
mgate
Simulador
MissGate
WeeklyTv
Perfis
Notícias
Artigos
Eventos
Opinião
Publicações
TvGate
RadioGate
PressGate
OutGate
CineGate
APAP
DigitalGate
ICAP
APCT
APODEMO
Marktest
Obercom
API
APMP
GMCS
Criativos
APAN
APPM
ACEPI
MEDIAFONE