Chama-se Mobile Lab e desmistifica conceitos teóricos. O projeto-piloto decorreu em quatro escolas secundárias, durante um ano
Vote
Notícias
Uma plataforma interativa que usa comunicações móveis para explicar matemática e física
15 de setembro de 2015


A Vodafone Portugal, em parceria com o INOV-INESC, a Direção-Geral da Educação e a Direção-Geral da Saúde, lançou um portal de conteúdos multimédia, que pretende explicar “o funcionamento das comunicações móveis” e, ao mesmo tempo, ajudar “os alunos do secundário a consolidar os conhecimentos de matemática e física”.

Intitulado Mobile Lab, o portal apresenta-se como uma plataforma interativa de conteúdos – texto, vídeo e laboratório de experiências –, que cruza a aprendizagem dos jovens na escola com os princípios do funcionamento de um sistema de comunicações móveis.

O objetivo da nova ferramenta é, então, “estimular os alunos a apropriarem-se dos conhecimentos abordados em alguns dos temas lecionados nas disciplinas de Matemática A e Física e Química A – em que, usualmente, se registam maus resultados escolares –, através da exploração de conteúdos multimédia”, explicam, em comunicado, as entidades responsáveis pelo projeto.

O funcionamento das comunicações móveis é demonstrado através da aplicação de vários conteúdos da Matemática A e da Física e Química A. No caso da Matemática A, o a nova plataforma permite que os alunos apliquem e testem os conhecimentos nas áreas da estatística, trigonometria, probabilidades e funções. Já em Física e Química A, os alunos podem encontrar “descodificados” diversos conceitos, como os de “ondas eletromagnéticas”, “fibras óticas”, “digitalização” e “bandas de frequência”. Todas as explicações disponíveis no portal têm por base os atuais conteúdos programáticos do 10.º, 11.º e 12.º anos, das disciplinas em foco.

Para além da informação criada para os alunos, o Mobile Lab inclui também uma área de acesso reservado a professores, com os conteúdos teóricos abordados e sugestões de exercícios adicionais, que tanto podem ser discutidos em aula, como sugeridos para ambiente de autoestudo.

Para a Vodafone Portugal, o desenvolvimento do novo portal representa uma forma de materializar o compromisso da empresa “em desmistificar o princípio de funcionamento das comunicações móveis junto do público em geral, neste caso específico com particular enfoque nos mais jovens”.

O projeto-piloto do Mobile Lab decorreu em quatro escolas secundárias – Escola Secundária Daniel Sampaio (Almada), Escola Secundária António Damásio e Escola Secundária Braamcamp Freire (Lisboa) e Escola Secundária Fontes Pereira de Melo (Porto) – e visa agora implementar e alargar a utilização à restante comunidade escolar do país.
Home
MadeBy
Legislação
GateScope
mgate
Simulador
MissGate
WeeklyTv
Perfis
Notícias
Artigos
Eventos
Opinião
Publicações
TvGate
RadioGate
PressGate
OutGate
CineGate
APAP
DigitalGate
ICAP
APCT
APODEMO
Marktest
Obercom
API
APMP
GMCS
Criativos
APAN
APPM
ACEPI
MEDIAFONE