Duas novas aplicações desenvolvidas pela portuguesa Bliss Applications, a Styme e a Keepr, estão a dar que falar no mercado brasileiro
Vote
Notícias
Apps “made in Portugal” crescem no Brasil
8 de outubro de 2015


Duas novas aplicações desenvolvidas pela portuguesa Bliss Applications estão a dar que falar no mercado brasileiro. A primeira, a Styme, está a ser utilizada por diversos restaurantes em São Paulo, como o Ritz, o Marakuthai e o Z Deli, para gerir filas de espera de clientes. A segunda, a Keepr, é usada por celebridades para partilhar fotos com grupos restritos.

A ideia da Styme surgiu de uma startup brasileira e o desenvolvimento foi depois entregue à Bliss. “É uma solução que promete acabar com filas à porta dos restaurantes: um cliente pode entrar numa fila de espera sem sair de casa, saber o tempo estimado de espera e, quando a mesa fica pronta, recebe uma mensagem de cortesia a pedir que se dirija ao restaurante”, explica a empresa portuguesa de design e tecnologia. Desde que foi lançada, em julho, novas características têm vindo a ser acrescentadas à aplicação e o número de downloads, tanto por parte de restaurantes, como por parte dos clientes, não para de crescer.

Outro caso de destaque é a Keepr, também contratada à Bliss por uma startup brasileira, que tem como missão acabar com frases como “depois envia-me essa fotografia”. A app permite armazenar, partilhar e co-criar álbuns de fotografias com familiares e amigos, em qualquer tipo de suporte. “Simplicidade e privacidade são os argumentos para competir com outra soluções globais de gestão e partilha de fotografias”, garante a Bliss. Lançada este verão, já deu que falar por artistas brasileiros de renome, como a cantora Luiza Possi, que usa a app para partilhar fotos de concertos com os fãs que estiveram presentes.

Alexandre Silva, gestor de projeto da Bliss, admite que a empresa está “a gostar muito” de trabalhar com startups, não só no Brasil, mas também em Boston. Isto, porque, “para além do desafio tecnológico e de experiência de utilização”, a empresa tem “a oportunidade de colaborar na fase de desenvolvimento do produto”.
Home
MadeBy
Legislação
GateScope
mgate
Simulador
MissGate
WeeklyTv
Perfis
Notícias
Artigos
Eventos
Opinião
Publicações
TvGate
RadioGate
PressGate
OutGate
CineGate
APAP
DigitalGate
ICAP
APCT
APODEMO
Marktest
Obercom
API
APMP
GMCS
Criativos
APAN
APPM
ACEPI
MEDIAFONE