A vida é uma cómoda com gavetas, que temos de manter arrumadas.
Álvaro Mendonça
Vote
Todas as personalidades
Perfis
Álvaro Mendonça
Nome: Álvaro de Mendonça
Data de nascimento: 21 de Fevereiro de 1960
Naturalidade: Lisboa
Formação: Economia (Universidade Livre de Lisboa)
Primeiro emprego: Jornal Tempo – Secção de Economia
Empresa actual: Grupo Cofina
Função que desempenha: Director da Unidade de Novos Negócios
Outros cargos e outras experiências: Editor das secções de Economia dos jornais Tempo e Semanário. Director das newsletters Inforbolsa e Confidencial Negócios, das revistas Exame e Fortuna, Marketeer, Economia Pura, Gestão Pura e Prémio. Director dos jornais Semanário e OJE. Colaborador da RTP e da Rádio Renascença e dos jornals Expresso e O Independente.




Qual é o livro da sua vida?
Os Maias, de Eça de Queirós.

Qual é o filme da sua vida?
Star Wars (triologia).

Qual é a música ou o grupo musical da sua vida?
The Police/Joe Jackson.

Qual é o seu lema de vida?
A vida é uma cómoda com gavetas, que temos de manter arrumadas.

Qual a pessoa que mais o marcou, ao longo da sua vida?
O meu pai e Vítor da Cunha Rego.

Qual é a sua viagem de sonho (realizada ou não)?
Lua.

Qual é o seu clube de futebol?
Académica de Coimbra (Briosa! Briosa!).

Tem algum hobby, alguma paixão?
Ler, viajar.

Um defeito que não tolera? Uma qualidade que aprecia?
Falta de lealdade. Lealdade/frontalidade.

Em média, quanto tempo diário dedica a:
ver televisão (aerial e cabo)? 1 hora
ouvir rádio? 40 minutos
ler jornais e revistas? 1 hora
navegar na Internet? 3 horas
 
Qual o anúncio que mais recorda?
Pasta Medicinal Couto (“Palavras para quê? É um artista português e só usa pasta medicinal Couto”).

Que profissão sonhava desempenhar na sua infância ou juventude?
Engenheiro civil.

Qual foi, até hoje, o momento mais marcante da sua carreira profissional?

Qual o episódio profissional mais caricato que já viveu?

Que medida ou medidas implementaria, se, por um dia, fosse Secretário de Estado para a Comunicação Social?

Acredita em profecias? Acredita que o mundo vai acabar em 2012, como defendiam os Maias?
Não, não acredito em profecias.



Home
MadeBy
Legislação
GateScope
mgate
Simulador
MissGate
WeeklyTv
Perfis
Notícias
Artigos
Eventos
Opinião
Publicações
TvGate
RadioGate
PressGate
OutGate
CineGate
APAP
DigitalGate
ICAP
APCT
APODEMO
Marktest
Obercom
API
APMP
GMCS
Criativos
APAN
APPM
ACEPI
MEDIAFONE