Vai parecer clichê, mas sem dúvida que os meus pais são as pessoas que mais me marcam
Maria de Melo Santos
Vote
Todas as personalidades
Perfis
Maria de Melo Santos
Nome: Maria de Melo Santos
Data de Nascimento: 24/06/1986
Naturalidade: Lisboa
Formação: Licenciatura em Gestão de Marketing e mestrado em Gestão Empresarial
Primeiro emprego: Um estágio na Elec3city, a trabalhar o cliente FashionTV
Empresa atual: Impresa
Função que desempenha:
Gestora de marca CARAS, SIC Mulher, CARAS Decoração e SIC Esperança
Outros cargos e outras experiências: Gestora de marca dos canais temáticos SIC (SIC Noticias, SIC Radical, SIC Mulher e SIC K) e assistente de marketing na Sybase



  Qual é o livro da sua vida? 
“Os Maias”.

  Qual é o filme da sua vida? 
“O Feiticeiro de Oz”. Quando era criança via este filme mais de três vezes por dia e, por isso, claro que não poderia escolher outro filme!

  Qual é a música ou o grupo musical da sua vida? 
Não tenho propriamente uma música ou banda preferida. Oiço de tudo um pouco e gosto de variar, apesar de por vezes passar dias a ouvir a mesma música, até me cansar. Não dispenso jazz!

  Qual é o seu lema de vida?
“Work Hard, Play Harder!”

  Qual a pessoa que mais o/a marcou, ao longo da sua vida? 
Isto vai parecer clichê, mas, sem dúvida, os meus pais são as pessoas que mais me marcam.

  Qual é a sua viagem de sonho (realizada ou não)? 
Índia! Uma viagem que um dia ainda vou fazer!

  Qual é o seu clube de futebol? 
Sporting… Todos temos de sofrer um pouco!

  Tem algum hobby, alguma paixão?
Adorava dizer que faço imensos desportos, mas não faço. Gosto de praia. E gelados!

  Um defeito que não tolera? Uma qualidade que aprecia? 
Não há um defeito ou uma qualidade, há sempre um conjunto de fatores que me fazem não tolerar ou apreciar algo, mas posso dizer que não tolero prepotência e aprecio muito o respeito pelo outro.

  Em média, quanto tempo diário dedica a:
  Ver televisão (aerial e cabo)? Em lazer, cerca de duas horas por dia, mas por norma a TV está sempre ligada. 
  Ouvir rádio? De manhã, uma hora.
  Ler jornais e revistas? Uma hora por dia.
  Navegar na Internet? Muito! Não há como viver sem internet!

  Qual o anúncio que mais recorda? 
“Tou xim? Um momento… É PARA MIM” – não só porque é inesquecível como também porque foi um momento de viragem na forma de comunicar em Portugal.

  Que profissão sonhava desempenhar na sua infância ou juventude?
Advogada… Ainda hoje penso nisso!

  Qual foi, até hoje, o momento mais marcante da sua carreira profissional? 
Entrar para a SIC há mais de quatro anos foi um dos momentos mais marcantes e que é impossível passar por cima. Todos os momentos são marcantes, à sua maneira!

  Qual o episódio profissional mais caricato que já viveu? 
Estar mais de um mês a desenvolver um projeto, a achar que estava a falar com “o Paulo”, quando no fim, depois de trocarmos emails sobre o sucesso da ação, o parceiro me disse que não era “O Paulo” mas sim “A Paula”! Não sei se é mais caricato ou constrangedor!

  Que medida ou medidas implementaria, se, por um dia, fosse Secretário de Estado para a Comunicação Social? 


Home
MadeBy
Legislação
GateScope
mgate
Simulador
MissGate
WeeklyTv
Perfis
Notícias
Artigos
Eventos
Opinião
Publicações
TvGate
RadioGate
PressGate
OutGate
CineGate
APAP
DigitalGate
ICAP
APCT
APODEMO
Marktest
Obercom
API
APMP
GMCS
Criativos
APAN
APPM
ACEPI
MEDIAFONE