Por vezes é preciso muita resiliência… Não é fácil, mas acreditando chegamos lá
Carla Guedes
Vote
Todas as personalidades
Perfis
Carla Guedes
Nome: Carla Guedes
Data de Nascimento: 19/12/1967
Naturalidade: Luanda, Angola
Formação: Superior – Licenciatura em Comunicação Social pela Universidade Nova de Lisboa
Primeiro emprego: Marktest
Empresa atual: REPUTATION
Função que desempenha: 
Diretora-geral
Outros cargos e outras experiências: Fui jornalista na RTP, Expresso, Diário Económico e no Semanário Económico, diretora de comunicação da D&E, diretora de contas e serviços a clientes no Grupo GCI Comunicação, assessora de imprensa do ministro da Economia e diretora-geral de operações na Weber Shandwick D&E. As experiências de que mais gostei foram marketing político/assessoria política e também jornalismo. Gostaria de ter tido oportunidade de experimentar reportagem de guerra. Admiro imenso os profissionais que o fazem.



  Qual é o livro da sua vida? 
“A Insustentável Leveza do Ser”.

  Qual é o filme da sua vida? 
“África Minha”.

  Qual é a música ou o grupo musical da sua vida? 
Música da minha vida: anos 80 e tango. Mas os Beatles e Elvis Presley marcaram-me muito.

  Qual é o seu lema de vida?
Não desistir. Tentar, tentar, insistir, planear, fazer, refazer, recomeçar, acreditar. Por vezes é preciso muita resiliência… Não é fácil, mas acreditando chegamos lá.

  Qual a pessoa que mais o/a marcou, ao longo da sua vida? 
Os meus pais e a minha filha, que agora tem 15 anos.

  Qual é a sua viagem de sonho (realizada ou não)? 
À Lua. Mas mais tangível, um safari no Quénia. Ainda por fazer.

  Qual é o seu clube de futebol? 
Não ligo a futebol…

  Tem algum hobby, alguma paixão?
Paixão: dança. Hobby: filmes. Faço pilates e yoga. Adoro o mar e passear à beira mar.

  Um defeito que não tolera? Uma qualidade que aprecia? 
Não tolero a mentira, a arrogância, a presunção, a estupidez, a teimosia! Aprecio a simplicidade combinada com inteligência.

  Em média, quanto tempo diário dedica a:
  Ver televisão (aerial e cabo)? Jornais à noite – cabo – e alguma série ou filme interessante.
  Ouvir rádio? Em casa, M80 – talvez uma hora.
  Ler jornais e revistas? Online – ver ao longo do dia sempre que posso.
 
  Que profissão sonhava desempenhar na sua infância ou juventude?
Algo relacionado com aviões (piloto de avião) ou com palcos (canto ou dança).

  Qual foi, até hoje, o momento mais marcante da sua carreira profissional? 
É muito difícil escolher... Mas talvez a participação na campanha eleitoral em Moçambique, nas primeiras eleições legislativas e presidenciais, como assessora de imprensa, em 1994.



Home
MadeBy
Legislação
GateScope
mgate
Simulador
MissGate
WeeklyTv
Perfis
Notícias
Artigos
Eventos
Opinião
Publicações
TvGate
RadioGate
PressGate
OutGate
CineGate
APAP
DigitalGate
ICAP
APCT
APODEMO
Marktest
Obercom
API
APMP
GMCS
Criativos
APAN
APPM
ACEPI
MEDIAFONE