Aprecio a paixão e a vontade de acreditar e sonhar
Nuno Simões
Vote
Todas as personalidades
Perfis
Nuno Simões
Nome: Nuno Simões
Data de Nascimento: 03/06/1979
Naturalidade: Lisboa
Formação: Design
Primeiro emprego: Numa gráfica de jornais
Empresa atual: Blendcode (grupo Optimizing Concepts )
Função que desempenha: 
Art Director, UX / UI Designer
Outros cargos e outras experiências: Proprietário da Blendcode



  Qual é o livro da sua vida? 
“Designing Design”, de Kenya Hara, uma bíblia.

  Qual é o filme da sua vida? 
O grande “Trainspotting”, de tão único que é.

  Qual é a música ou o grupo musical da sua vida? 
Green Day, um grupo que ainda está por cá.

  Qual é o seu lema de vida?
Viver e deixar viver.

  Qual a pessoa que mais o/a marcou, ao longo da sua vida? 
O meu pai, sem dúvida, e a mulher da minha vida, que me acompanha até hoje.

  Qual é a sua viagem de sonho (realizada ou não)? 
Japão. Não Tokio, mas aquele Japão escondido no interior.

  Qual é o seu clube de futebol? 
O grande Benfica.

  Tem algum hobby, alguma paixão?
O design é mesmo uma paixão e adoro mar e areia.

  Um defeito que não tolera? Uma qualidade que aprecia? 
A desonestidade. Mas aprecio a paixão e a vontade de acreditar e sonhar.

  Em média, quanto tempo diário dedica a:
  Ver televisão (aerial e cabo)? Poucas, não sei precisar, varia.
  Ouvir rádio? No carro, enquanto me desloco, e por vezes via internet.
  Ler jornais e revistas? As principais e normalmente tudo online.
  Navegar na internet? Sempre online, seja no mac ou no iPhone, um mundo...
 
  Qual o anúncio que mais recorda? 
Adoro os anúncios da Evax. É a maneira mais divertida de falar sobre um assunto mais sensível.

  Que profissão sonhava desempenhar na sua infância ou juventude?
Na infância era ser jogador de futebol, acho que como muitos miúdos na altura.

  Qual foi, até hoje, o momento mais marcante da sua carreira profissional?
Acho que cada projeto nos marca de forma diferente. Daí, todos os momentos marcaram até hoje a minha carreira profissional.

  Qual o episódio profissional mais caricato que já viveu? 
Não defino um episódio, mas uma altura, quando se discute os briefings e passamos do normal para os devaneios.

  Que medida ou medidas implementaria, se, por um dia, fosse responsável pela Comunicação Social em Portugal?
Ui... Possivelmente muitas, começando por eliminar algumas entidades e atribuições de prémios.

Home
MadeBy
Legislação
GateScope
mgate
Simulador
MissGate
WeeklyTv
Perfis
Notícias
Artigos
Eventos
Opinião
Publicações
TvGate
RadioGate
PressGate
OutGate
CineGate
APAP
DigitalGate
ICAP
APCT
APODEMO
Marktest
Obercom
API
APMP
GMCS
Criativos
APAN
APPM
ACEPI
MEDIAFONE